integração de setores na gestão empresarial

Qual a importância da integração de setores na gestão empresarial?

qual-a-importancia-da-integracao-de-setores-na-gestao-empresarial.jpeg

Cada vez mais as corporações percebem que, quando não há integração de setores na gestão empresarial, os prejuízos começam a aparecer. Pouco diálogo entre as equipes, erros e retrabalhos, conflitos (responsabilização do outro sem assumir a própria parte, por exemplo) e falta de cooperação são alguns efeitos de uma política muito departamentalizada.

Promover a integração de setores é um investimento desafiador. O retorno vem na forma de engajamento, boas relações de trabalho, inovação e crescimento para o time e a organização como um todo.

Sobre isso, vamos refletir ao longo deste artigo. Continue lendo para entender como uma gestão integrada pode ser bastante benéfica para o seu negócio e ter dicas de como implementá-la!

Qual a importância de desenvolver uma gestão empresarial integrada?

A gestão empresarial é um conjunto de processos para administrar a corporação. Ela envolve a atuação das diversas áreas que compõem o empreendimento, para manejar as atividades do negócio, buscando sempre alcançar seus objetivos estratégicos.

No passado, era comum cada departamento ser visto de forma isolada. Seguindo um modelo cartesiano aplicado às empresas, cada departamento se preocupava apenas com as suas responsabilidades de acordo com uma visão “vertical” e hierarquizada de organização. O pensamento sistêmico e processual era deixado de lado, o que dificultava  assumir uma posição 100% funcional na empresa.

Contudo, se os setores não dialogam, eles podem realizar ações contraproducentes, perder sinergia, não agregar valor no processo de atendimento ao cliente final e perder a chance do aprendizado característico da integração.

A integração de setores também é importante no que diz respeito à capacidade dos tomadores de decisão de colaborarem entre si. Quando os gestores dos departamentos conseguem trabalhar de forma coordenada uns com os outros, eles têm mais facilidade para implementar planos de ação mais eficazes e promovem uma cultura integrada aos seus liderados.

Principais benefícios da integração de setores

Aqui está uma lista das principais vantagens que as empresas percebem ao promover a gestão integrada de seus departamentos:

  • ganho de produtividade;
  • redução de custos operacionais;
  • facilitação de uma cultura de inovação a partir do intercâmbio de ideias entre diferentes tipos de habilidades e visões;
  • aumento da satisfação dos clientes, que passam a perceber mais eficiência no dia a dia do negócio;
  • atração e retenção de talentos com potencial colaborativo e com facilidade de trabalhar em equipe;
  • criação de planos de ação conjuntos entre departamentos para fortalecer a competitividade;
  • diferenciação da concorrência, o que pode reverter em mais lucratividade.

Qual é a importância de um objetivo comum na integração de setores da empresa?

Ter um objetivo comum é o primeiro passo para estabelecer a integração de setores. Afinal, se cada área é tão diferente, é preciso que haja algum elemento que unifique as ações dos profissionais.

A meta em comum faz esse papel. Ela possibilita que todos possam caminhar na mesma direção, o que fortalece a sinergia nos times.

A TAM, uma das maiores empresas de serviços aéreos da América Latina— que após a fusão com a chilena LAN, originou a LATAM — destaca-se no investimento em intersetorialidade. Em 2015, a revista Exame apresentou a nova sede administrativa construída pela companhia em São Paulo, desenhada em torno de uma estratégia para fortalecer a interação entre os departamentos.

O edifício conta com 11 andares, e quase nenhum funcionário tem mesa fixa. Além disso, os diretores ficam em mesas em meio aberto, sem paredes em torno. Há diversos tipos de salas, como as de vidro transparente para assuntos sigilosos e as mesas de reunião abertas.

Os profissionais da companhia circulam pelo ambiente de acordo com a demanda. O edifício reúne os departamentos de RH, gestão financeiraTI e compras. A mudança na lógica de espaço possibilitou que a corporação transformasse as interações de seus colaboradores, permitindo o diálogo entre as várias áreas do empreendimento.

Que estratégias utilizar para promover a integração de setores da empresa?

Depois de conhecer os benefícios da integração de departamentos na empresa, é importante saber como colocar essa forma de gestão em prática.

Confira nossas dicas e saiba como implementar essa estratégia de gerenciamento no seu negócio!

Seja cuidadoso na socialização de profissionais novos

Quando um colaborador entra na empresa, a integração dele à equipe e ao trabalho é muito importante. Esse processo envolve não só a aprendizagem do funcionamento da organização e das atividades, mas também o conhecimento dos novos colegas.

Porém, não basta mostrar apenas aqueles com quem o recém-chegado vai dividir a sala e o trabalho. É importante apresentar toda a organização e, se possível, colocar orientadores de diferentes departamentos para apoiar os novatos.

Dessa maneira, desde o ingresso do profissional no empreendimento, haverá estímulos para a comunicação dele com outros setores. Isso incentiva o novo membro a se adaptar e fortalecer a cultura de integração na corporação.

Promova confraternizações

As confraternizações são ótimas para integrar as equipes. São momentos de descontração nos quais os membros de diferentes times podem se conhecer melhor e conversar sobre temas diferentes do trabalho.

O ser humano precisa desses momentos, pois isso proporciona relaxamento, socialização e interações saudáveis.

Com esses encontros, é possível descobrir afinidades e despertar a colaboração. Isso contribui para melhorar as relações e facilitar a interação no dia a dia operacional. Desenvolver projetos, discutir problemas e procurar soluções fica bem mais fácil se os colaboradores se conhecem e têm contatos positivos também fora do ambiente corporativo.

Desenvolva processos intersetoriais

É importante criar e manter uma visão sistêmica da empresa. Dessa forma, os processos empresariais conseguem melhor atender o cliente final por meio da interação interdepartamental e integração de setores.

É o que fez a Vistajet, uma importante empresa no setor de aviação privada e uma das clientes da Monitora. Nessa companhia, a integração entre setores, apoiada pela tecnologia da informação, pode ser vista em vários processos que vão desde a venda e reserva de voos via app no celular, passando pelaautomação dos processos de tripulação que impactam o cliente final até os processos financeiros. A integração dessas rotinas aos processos de reserva e venda de voo garantem que a empresa fature da forma correta e integrada com a contabilidade e a outros departamentos. Uma sequência lógica de atividades foi estabelecida — e, logo, incorporada ao dia a dia dos profissionais.

Crie projetos conjuntos entre setores

Além dos processos empresariais integrados, o desenvolvimento de projetos envolvendo colaboradores de diferentes setores permite que um trabalho muito construtivo seja desenvolvido, realizando também a integração de setores. Assim, eles vão ter a chance de interagir com pessoas diferentes, o que promove amadurecimento e aprendizagem.

Além disso, profissionais com especialidades variadas têm experiência em áreas distintas. Cada um pode contribuir com um conhecimento diferente. Isso permite o desenvolvimento de um trabalho mais rico e interdisciplinar, que atende às amplas necessidades estratégicas e práticas da organização.

Invista em ferramentas de comunicação

Quando sua empresa possui recursos efetivos de comunicação, ela consegue transmitir melhor a informação, o que facilita a aproximação e otimiza os processos. Afinal, se os colaboradores são bem informados, eles também são mais engajados e capazes de desenvolver boas estratégias de atuação.

Investir em ferramentas tecnológicas é fundamental para fortalecer o vínculo entre os setores. Pode ser uma rede social corporativa, um software ou alguma estratégia para que os trabalhadores de áreas diferentes possam interagir mais uns com os outros.

Fortaleça a automação de processos

A automação dos processos por meio de ferramentas de TI também se mostra como uma ótima forma de potencializar a integração entre setores.

A Monitora Soluções Tecnológicas desenvolveu um projeto interessante em uma das principais empresas de aviação de carreira chilena (antes brasileira). O projeto foi implementado em uma das unidades de negócio no setor de manutenção de aeronaves que fica localizada em São Carlos, interior de São Paulo.

Neste projeto, conseguiu-se otimizar em até 15% o tempo do mecânico de aeronaves — ou seja, agora o mecânico faz o mesmo trabalho gastando 15% de tempo a menos — simplesmente com a inserção de um app que integra um processo que passava por dois setores diferentes da empresa.

Utilize indicadores compostos

Os indicadores de desempenho (também chamados de KPIs, ou key performance indicators) compostos envolvem vários tipos de medições para apontar como andam os resultados da empresa.

Se é importante integrar o trabalho, por que não fazer uma avaliação de desempenho multissetorial?

Ao apostar em KPIs que envolvem variáveis de múltiplos departamentos, a empresa consegue construir uma análise mais ampla. Com isso, é possível ter uma visão mais global do empreendimento e trabalhar em uma perspectiva na qual todos se engajam, responsabilizando-se e procurando soluções em colaboração.

Faça uma boa gestão de mudança ao trabalhar a integração de setores

É bem verdade que os profissionais podem, inicialmente, ficar um pouco resistentes a uma cultura de diálogo entre as várias áreas. Lidar com pessoas não é uma tarefa simples. Mas são essas diversidades que permitem o enriquecimento do trabalho, a formação de estratégias mais construtivas e propostas mais integradas.

Logo, a empresa que começa a empreender uma estratégia de integração de setores deve estar preparada para fazer uma transição suave. A melhor escolha é fazer disso um projeto de médio prazo, com etapas a serem implementadas aos poucos. Isso evita que os profissionais resistam à mudança por não entenderem o objetivo ou, simplesmente, por terem suas rotinas modificadas do dia para a noite.

Como está a integração de setores na sua empresa?

Como você viu, a integração de setores na gestão da corporação é uma excelente estratégia para otimizar o trabalho e promover ações mais positivas. A medida também contribui para melhorar o clima organizacional, engajando as equipes e aumentando o comprometimento de todos.

Para fortalecer o contato e a interação entre os departamentos na companhia, você pode adotar várias estratégias, como construir projetos englobando diversas áreas, investir nos recursos de comunicação, apostar em KPIs compostos e promover confraternizações.

Conseguir a integração organizacional envolve alinhar a estratégia, a cultura, as habilidades das equipes, a tecnologia, a estrutura e o estilo de gerenciamento com os objetivos macro do negócio. Isso envolve certificar-se de que cada departamento e cada colaborador entenda a importância de um envolvimento maior entre os setores. Também envolve a educação das partes interessadas.

Para finalizar, é importante pontuarmos que essa integração só acontece a partir de uma mudança de atitude da alta hierarquia do negócio e também das lideranças de departamentos. A criação de uma cultura de integração de setores deve vir de cima para baixo. Pode — e deve — envolver a todos os colaboradores do negócio, mas cabe à direção tomar frente para que as resistências à mudança sejam menores.

Daí que é fundamental a adoção da tecnologia. A união de métodos de gerenciamento com ferramentas e recursos tecnológicos eficientes torna essa empreitada mais simples de ser implementada e acelera os resultados do negócio.

Que tal? O que você achou dessa reflexão acerca da integração de setores? Você já tem trabalhado para isso em seu negócio? Se gostou, aproveite para seguir nossas páginas nas redes sociais. Estamos no Facebook e no LinkedIn.

Comentários

comentários

Juliano da Monitora
Produtor de Conteúdo na Monitora